Animal provoca acidente de motociclista na Rodovia PE 95

Na noite desta sexta (27), por volta das 19h30, o motociclista Wesley Felipe Teixeira de Arruda Costa, 21 anos, residente no Bairro da Cohab Nova, em Limoeiro, colidiu em um animal da espécie bovina quando transitava pela Rodovia PE-95, na altura do Loteamento Lagoa Azul, em Limoeiro. Segundo populares, uma vaca teria atravessado na frente da motocicleta, impossibilitando o desvio. Wesley estaria de capacete, mas por conta do impacto sofreu forte pancada na cabeça. Inicialmente, o motociclista foi socorrido ao Hospital Regional de Limoeiro. Após os primeiros atendimentos e mesmo em estado consciente, o médico de plantão recomendou a sua transferência para o Hospital da Restauração, no Recife, com solicitação de exame de tomografia do crânio. Moradores da localidade ainda informaram que é muito comum a existência de animais de pequeno e grande porte circulando as margens da rodovia. Também são vistos animais atravessando e colocando em risco a vida de motoristas e motociclistas.

Estudante sofre com agressão racista em Casinhas


Na tarde desta quinta (26), por volta das 16h, a estudante Maria de Lourdes Rufino Pereira, 16 anos, residente no Sítio Montado, zona rural de Casinhas, foi vítima de injúria racial quando deixava a escola no Centro de Casinhas. Segundo a vítima, que de imediato acionou a Polícia Militar, ela foi surpreendida por algumas pessoas que estavam dentro de um veículo Toyota, as quais cometeram agressão verbal e preconceituosa ao lhe chamar de “Maria macaca”. A vítima informou ao policiamento que reconheceu um dos agressores e indicou a residência dele aos militares. 

Segundo a polícia, o acusado não estava em casa, mas vizinhos acabaram revelando que ele estaria na cidade de Surubim. Com a vítima, a polícia esteve no ponto de transporte alternativo de Surubim e localizou o acusado, identificado por José Fabrício Santos da Silva, 19 anos, cobrador de Toyota, residente no Sítio Lagoa da Pedra, zona rural de Casinhas. Após ser detido, o acusado foi conduzido a delegacia local onde foi aplicado um Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO). Depois ouvido, o cobrador foi liberado para responder o processo em liberdade. Ainda segundo o policiamento, um representante do Conselho Tutelar foi acionado para acompanhar a adolescente durante o processo.

Secretário de Saúde de Limoeiro desmente existência de paciente com Chikungunia


A notícia da existência de um paciente com Frebre Chikungunya, em Limoeiro, gerou apreensão no final da tarde desta quarta-feira (25). A informação chegou a circular pela secretaria estadual de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica do Estado, que de imediato acionou a II Gerência Regional de Saúde (GERES), com sede em Limoeiro, além da secretaria municipal de Saúde. Na manhã desta quinta (26), o secretário responsável pela pasta a nível municipal, Orlando Jorge, desmentiu a informação e disse que quando acionado fez uma análise mais detalhada dos registros com a vigilância municipal e nada foi localizado.

Durante entrevista à Rádio Jornal Limoeiro, o secretário alertou a sociedade para casos de Dengue Hemorrágica que foram registrados na cidade, inclusive com uma vítima fatal, lembrando mais uma vez que cada família deve fazer sua parte em parceria com os agendes de endemias no combate à proliferação do mosquito transmissor. Ele ainda relatou os procedimentos que devem ser adotados para evitar exposição de água limpa. “Não temos nenhum caso, ainda. Mas não devemos pensar que o problema só acontece com o vizinho. Continuamos atentos aos casos”, disse Orlando.

Corte de árvore da GERES gera revolta e gestor justifica




Uma árvore histórica da espécie Acácia foi cortada nesta quarta (25), em Limoeiro. A árvore fazia parte da arborização da II Gerência Regional de Saúde (GERES) há vários anos. Normalmente, servidores da Celpe realizavam a poda dos galhos, para evitar contato com a fiação elétrica, mas, segundo servidores da gerência, nunca precisou cortá-la por completo. A ordem do corte partiu da direção da GERES e deixou algumas pessoas revoltadas. A reportagem da Rádio Jornal Limoeiro foi procurada pelo servidor público limoeirense Dantas Júnior, que disse “não entender o tamanho da violência ambiental”.

O gestor da unidade, Mário Moreira, está de férias, mas entrou em contato com a nossa reportagem. Ele disse que uma árvore foi cortada porque estava podre, inclusive com risco de cair e atingir pessoas e carros que ficam estacionados nas proximidades. Outras duas árvores foram, apenas, podadas, pois estavam tocando na rede elétrica e colocando em risco o local de trabalho. O gestor ainda lembrou uma lei que não permite a existência de árvores embaixo de rede elétrica de alta tensão. "Não sou a favor de cortar árvores, mas sou a favor de salvar vidas", pontuou.

Contudo, funcionários que preferiram não se identificar, disseram que a sombra da árvore era utilizada frequentemente por funcionários durante o período de trabalho. “Muitos que trabalham na GERES gostavam de ficar embaixo da árvore fazendo ‘plantão’ e isso não agradava. Mas só o diretor pode afirmar o que motivou o corte”, disse um servidor. Em relação ao "plantão", o diretor disse que não faria "picuinhas" com uma árvore e que existem salas climatizadas na GERES para o plantão dos servidores.

Veículo da prefeitura de Lagoa do Carro pega fogo no Centro de Limoeiro


Por volta das 18h30 desta quarta (25), um veículo modelo Kombi de placa não anotada, pertencente à Prefeitura de Lagoa do Carro, pegou fogo quando transitava pela Avenida Jerônimo Heráclio, no bairro do Ponto Certo, sentido Centro de Limoeiro. Informações de populares que estavam no local no momento do incêndio e repassadas à reportagem da Rádio Jornal indicam que o carro era de transporte escolar e o motorista estava sozinho. Ele teria tentado apagar as chamas com a ajuda de curiosos, além de tentar conseguir extintores em um posto de combustível que fica nas proximidades. De acordo com a Polícia Militar, que esteve no local para registro da ocorrência, não houve vítimas. As causas do incêndio ainda são desconhecidas, mas, inicialmente, a investigação trabalha na linha de pane elétrica. Porém, apenas após a perícia será possível confirmar o que provocou as chamas. O carro ficou destruído dentro de poucos minutos. A prefeitura de Lagoa do Carro ficou responsável em recolher o que sobrou do veículo oficial.

Palestra em Surubim tem como tema Benefícios por Incapacidade

O Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de Surubim promove palestra com o Dr. Joaquim Neto Barbosa, advogado Empresarial, Civil e Previdenciário. A palestra, que tem como tema Benefícios do INSS Por Incapacidade, será no próximo dia 2 de março, a partir das 9h, no Centro Cultural José Nivaldo Barbosa, no Centro de Surubim. Na pauta, estarão assuntos como Aposentadoria por Invalidez, Auxílio Doença, Loas e outros ligados ao tema de incapacidade. O encontro mobilizará centenas de beneficiários e candidatos a benefícios por incapacidade. A palestra conta com o apoio da secretaria municipal de Saúde de Surubim. (Sivaldo Venerando)

Motorista reclama de escuridão na feira de gado de João Alfredo


A escuridão toma conta da feira de gados no município de João Alfredo. Todas as segundas, os comerciantes e marchantes enfrentam dificuldades em negociar. A feira acontece na comunidade da "Piçarreira" e não existe iluminação pública. Segundo relatos do motorista Esmeraldo Souza, a comunidade conta com fornecimento de energia elétrica, mas o escuro predomina. “A feira começa na madrugada e termina rápido. Muitas compras são feitas antes do dia amanhecer, pois os comerciantes precisam retornar para o abate dos animais. Por isso, seria necessária a instalação de postes de iluminação no local da feira”, explicou o motorista. Esmeraldo ainda ressaltou o perigo de assaltos e não identificação por conta do escuro. “A polícia fica apenas na entrada da estrada que dá acesso à feira. Mas no local onde os caminhões ficam não existe policiamento”, alertou. Para diminuir a dificuldade, os motoristas deixam os faróis dos veículos acessos durante as negociações. "Espero que coloquem ao menos um bico de luz", desejou Souza.

Polícia prende comerciante por venda ilegal de gás e gasolina em Feira Nova



Policiais Civis da Delegacia de Feira Nova prenderam em flagrante o comerciante Gilvan Luís da Silva, idade não informada, residente no Sítio Pitombeira, zona rural de Feira Nova. Segundo a polícia, ele comercializava ilegalmente em uma mercearia na sua própria residência gasolina e botijões de gás de cozinha. Durante abordagem, a polícia encontrou na casa 27 litros de gasolina em garrafas pet e 05 botijões de gás, um deles vazio. 

Recentemente, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) emitiu uma recomendação à prefeitura de Limoeiro e polícias Militar e Civil que fiscalizem e apliquem penalidades aos estabelecimentos que comercializam gás de cozinha de forma irregular. Para o promotor de Justiça Francisco das Chagas Santos Júnior, a recomendação busca essencialmente proteger os cidadãos dos riscos que envolvem a armazenagem e manuseio incorretos do gás de cozinha. (Imagens | PC)

Maqueiros do Hospital Regional de Limoeiro estão com salários atrasados


Salários atrasados! A frase se tornou comum para os maqueiros que prestam serviços ao Hospital Regional José Fernandes Salsa (HRJFS), em Limoeiro. A empresa Matrix, contratada pelo Governo do Estado de Pernambuco, segundo os funcionários, não vem cumprindo com as obrigações. Um maqueiro, que pediu reserva na identidade, revelou que tem um restante do salário de dezembro para receber. O valor total deveria ter sido pago até o quinto dia útil do mês de janeiro. O primeiro salário do ano também está em atraso. Esse deveria ter sido depositado nas contas dos empregados desde o dia 6 de fevereiro. Inconformados com a situação e com os credores na porta da unidade de saúde – a notícia do atraso foi publicada no relatório diário do HRJFS distribuído com as emissoras de rádio da cidade (foto). A nossa reportagem tentou contato com a empresa, mas até a publicação desta matéria não obteve retorno.

Polícia descobre arsenal em oficina na divisa entre PE e PB

Por volta das 10h desta segunda (23), durante patrulhamento, a Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) recebeu denúncia telefônica de que na Rua Almirante Antônio Heráclio, Bairro da Furguilha, na divisa territorial entre os municípios de Orobó, no Estado de Pernambuco, e Umbuzeiro, na Paraíba, funcionava uma oficina de armas de fogo. No local indicado, a polícia encontrou, no estabelecimento aberto, o serralheiro Kledson Júnior Cavalcante de Souza, 32 anos, residente no mesmo endereço da oficina. Segundo a PM, o suspeito permitiu a entrada do efetivo assinando o Boletim de Ocorrência (BO). 

Durante buscas, foi encontrado um arsenal contendo 51 espingardas artesanais tipo “soca-soca”, 01 espingarda calibre 12 artesanal, 02 espingardas calibre 28 industrial modelo 151, uma espingarda sem identificação, 02 espingardas 36 industrial sem identificação, 01 rifle calibre 44 industrial e 38 canos de espingardas de diversos calibres. De acordo com o serralheiro, as armas pertenciam ao seu pai, que não estava em casa durante a ação policial e não teve a identidade revelada. Inicialmente o suspeito foi levado para a delegacia de Orobó (PE), mas os militares disseram que houve um equívoco em virtude de ser uma área de divisa, e que o endereço da oficina pertence ao município de Umbuzeiro (PB), ficando o inquérito policial a ser conduzido pela polícia paraibana.

Retorno de esgoto prejudica moradora no Centro de Limoeiro



O retorno de um esgoto vem gerando dor de cabeça para uma moradora da III Travessa da Avenida Santo Antônio (Beco do Santander), no Centro de Limoeiro. Segundo informações repassadas à reportagem do blog, a moradora Graça Lima informou o problema à secretaria de Infraestrutura de Limoeiro, funcionários da prefeitura estiveram no local em novembro do ano passado, mas nada foi resolvido. A denunciante contou que os servidores da infraestrutura chegaram a tirar as medidas do cano, mas não retornaram. O retorno do esgoto acontece pelo banheiro da residência, deixando o ambiente sujo e com fedor. 

Secretaria de Transportes de PE retoma obra de recuperação da PE 95


Depois de muitas reuniões, promessas e protestos, a obra de recuperação da Rodovia PE-95, que liga os municípios de Limoeiro e Caruaru, foi retomada na manhã desta segunda (23). O secretário estadual de Transportes, Sebastião Oliveira, assinou a ordem de serviço para a obra, que começou de imediato. Segundo informações da secretaria, a primeira etapa do trabalho terá duração de 100 dias. Neste período, a PE-95 receberá os serviços de reciclagem com adição de brita e incorporação da primeira camada de asfalto. Além disso, o local será contemplado com nova drenagem e sinalização provisória, reforçando a segurança dos motoristas que forem trafegar pelo local. A obra recomeçou no distrito de Ameixas, município de Cumaru, local onde parou há vários meses, e seguirá no sentido Limoeiro. O líder dos protestos, o popular “Mirandinha”, disse na Rádio Jornal Limoeiro que sentiu confiança nas palavras do secretário e que espera não ser mais necessária nenhuma intervenção popular na rodovia.

Limoeiro: polícia registra homicídio no bairro da Linha


Por volta das 20h desta segunda (23) mais um homicídio foi registrado no município de Limoeiro. Segundo informações policiais, Romildo Feliciano Cosme, 36 anos, residente na Rua Manoel Sebastião de Moura, no Bairro da Linha, foi alvejado por dois disparos de arma de fogo na cabeça e morreu ao ser socorrido ao Hospital Regional de Limoeiro. Populares relataram que a vítima havia acabado de descer de um veículo e entrava na sala da sua residência, quando homens ainda não identificados se aproximaram em outro veículo e efetuaram os disparos. Romildo trabalhou por vários anos na cidade como mototaxista, mas passou um período cumprindo pena no sistema prisional do Estado. A polícia trabalha em sigilo nas investigações e disse que até o momento não tem nenhuma informação sobre os suspeitos e os motivos da autoria do crime. Segundo familiares, o corpo da vítima foi encaminhado ao IML de Caruaru por volta das 6h desta terça (24), tendo em vista o IML do Recife registrar longa fila na liberação de outros corpos. (Imagem | Reprodução Internet)

Prefeitura de Limoeiro inaugura quadra e Núcleo de Tecnologia


Na próxima quinta (26), a partir das 15h30, será inaugurada a quadra poliesportiva da Escola Municipal Marechal Castelo Branco, na Vila Mendes, em Limoeiro. Segundo o departamento de Esportes, o espaço esportivo também será utilizado pela comunidade em geral e pelos alunos da Escola Luís Sátiro Pereira. De acordo com  a assessoria de Imprensa da PML, a parceria com o governo Federal garantiu o investimento na obra no valor de R$ 189.861,29. A construção que ocupa 802,16 m² inclui gradeamento, equipamentos para realização da prática esportiva de futsal, handball, além de basquete. No mesmo dia, no período da manhã, a partir das 9h, no auditório da Faculdade de Ciências Aplicadas de Limoeiro (FACAL), a secretaria municipal de Educação e Esportes inaugura o Núcleo de Tecnologia Municipal. (Imagem | Assessoria PML)

Socialista anuncia retomada da recuperação da PE 95


Depois de meses de espera, protestos, reuniões e promessas, a obra de recuperação da Rodovia PE-95, que liga os municípios de Limoeiro e Caruaru, será retomada na manhã desta segunda (23). Segundo o Gestor de Articulação Regional do Governo do Estado, João Luís (Joãozinho – PSB), o secretário estadual de Transportes, Sebastião Oliveira, visitará, a partir das 9h, o distrito de Ameixas, em Cumaru, local onde a obra parou há mais de quatro meses. O socialista ainda relatou durante entrevista na Rádio Jornal Limoeiro, que a obra será retomada a partir do distrito onde parou e que a empresa responsável pela obra prometeu finalizar o serviço em 90 dias. 

A primeira ordem de serviço para a obra foi assinada no final de março de 2014 pelo então governador Eduardo Campos, durante agenda administrativa, em Limoeiro. A promessa inicial seria de duas frentes de trabalho saindo de Caruaru e de Limoeiro. Os operários partiram apenas de Caruaru, mas acabaram paralisando os serviços em Ameixas. Impacientes e revoltados com as promessas sem cumprimento, moradores de cidades cortadas pela rodovia interditaram as duas faixas em forma de protesto no início do mês de fevereiro. Na ocasião, representantes do DER prometeram a reinício da obra para o mês de março próximo.

MPPE recomenda proibição do comércio irregular de gás em Limoeiro


O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) expediu recomendação com o intuito de coibir a venda de Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) de forma inadequada por estabelecimentos comerciais e por particulares na cidade de Limoeiro. Para o promotor de Justiça Francisco das Chagas Santos Júnior, a recomendação busca essencialmente proteger os cidadãos dos riscos que envolvem a armazenagem e manuseio incorretos do GLP, popularmente conhecido como gás de cozinha.

Aos proprietários de revendedoras de GLP o promotor recomendou se abster de fazer a comercialização dos botijões enquanto não atenderem a todos os requisitos legais exigidos para o seu funcionamento, o que deve ser comprovado com a expedição de alvará municipal, de certificado do Corpo de Bombeiros e de autorização da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Já ao prefeito de Limoeiro, Thiago Cavalcanti, o promotor recomendou exercer o poder de polícia a fim de fiscalizar e proibir o comércio irregular de botijões de gás de cozinha. Nesse caso, o município pode adotar sanções administrativas aos pontos de venda, como multa ou interdição. O promotor Francisco das Chagas recomendou ainda às polícias Civil e Militar que atuem, cada uma dentro das suas atribuições, para reprimir o comércio irregular do produto, promovendo inclusive a investigação de infrações cometidas pelos donos dos estabelecimentos.

“É de conhecimento público, em Limoeiro, a venda irregular de botijões de GLP em locais inapropriados para lidar com esse tipo de mercadoria. Além dos evidentes riscos à vida dos consumidores, a prática constitui crime contra a ordem econômica, uma vez que o artigo 1º da Lei nº 8.176/91 estabelece ser crime adquirir, distribuir e revender derivados de petróleo e demais combustíveis em desacordo com as normas legais”, assegurou Francisco das Chagas. Ainda segundo a legislação, os responsáveis pela prática ilegal podem ser condenados a penas de um a cinco anos de detenção. (Assessoria MPPE | Imagem Internet Divulgação)